Por onde andei: Exposição “O Corpo é a Casa” (BH)

Eiiii genteee!!!!

Eu sei… tem muita gente que não gosta de ir a uma exposição ficar olhando para quadros, objetos e esculturas.

Eu não sou assim… eu adoro arte, seja de que tipo for!

E se eu te falar que fui a uma exposição em que nós, os visitantes, podemos interagir com as obras, criando a arte? Legal, né?


Tô falando da exposição “O Corpo é a Casa”, do artista austríaco Erwin Wurm, em cartaz no Centro Cultural Banco do Brasil – CCBB (de Belo Horizonte) até o dia 18 de setembro.

Essa exposição já foi vista por 250 mil pessoas em São Paulo e Brasília.

Depois de Belo Horizonte, ela vai para o Rio de Janeiro. Alô Alô pessoal do Rio!!!!

 

 

Na exposição “O Corpo é a Casa”, você vai ver vários objetos do nosso dia a dia, como carro, roupa, coisas que a gente usa em casa, comida…

…tudo transformado em arte de um jeito inesperado, engraçado e também fazendo uma crítica ao jeito que o ser humano vive.

E o visitante é convidado a seguir algumas instruções para “posar” como obra de arte.

 

 

Olha só, eu adorei essa explicação que li sobre a exposição: “Para o artista, a casa é parte do nosso corpo: ela é uma espécie de pele que nos protege, assim como o carro ou a roupa.”

Essa exposição também discute o corpo humano, tanto na parte do físico, mas também psicológica. É como se os objetos falassem um pouco de nós, entende?

 

 

Bom, se você não entendeu, confesso que nem eu entendi direito kkkkk mas adorei!!!

Fora que eu bato carteira no CCBB-BH, um espaço onde rola teatro, música e exposições variadas de tempos em tempos.

Então fica a dica pra você que é de BH e do RJ.

E se tiver alguma dica bacana, pode compartilhar comigo… vou adorar!!

Bjsss

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *